Seguro de Carga

Toda empresa de transporte é obrigada por lei a contratar o seguro de cargas.

cotação seguro rctrc
cotação seguro de carga rctrc

Qual a importância do seguro de carga?

Qualquer tipo de seguros tem a sua importância, ainda mais nos dias de hoje que a violência está cada vez maior. O mesmo acontece com o seguro de cargas. Nos últimos anos, o número de assaltos e furtos de cargas cresceu de uma forma considerável, o que deixa os transportadores e empresários cada vez mais receosos. O ideal é que você converse com o corretor de seguros ou com a seguradora para poder fazer uma apólice que possa lhe passar tranquilidade.

seguro de transporte
seguro de transportes

Quais os tipos de seguros de cargas que existe?

O seguro de carga nacional é dividido em três modalidades diferentes: Seguro Transporte Nacional que é obrigatório e precisa ser contratado pelo dono da carga; RCTR – Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador que é obrigatório e precisa ser contratado pelo transportador da carga e a Responsabilidade Civil Facultativa do Transportador Rodoviário por Desaparecimento de Carga, RCF-DC que é a cobertura que deve ser contratada pela transportadora, mas nesse caso, a contratação é opcional.

A maioria das coberturas é contra furto e roubo das cargas, mas ainda existem diversas coberturas adicionais que podem ser contratadas pelos segurados, de acordo com as suas necessidades.

Tenho o seguro de carga e preciso transportar uma carga, o que devo fazer?

Quando você tem o seguro de cargas, existe a opção de contratar o serviço anualmente ou quando houver um transporte de carga individual. No caso do evento esporádico, basta você entrar em contato com a seguradora para poder fazer a contratação do seguro, de acordo com as suas necessidades.

Se a sua empresa já possui um seguro de cargas anual, a cada transporte realizado, você precisa avisar a seguradora. Ela poderá solicitar alguns documentos para comprovar as informações prestadas.

O que é o “ad valorem” ?

O ad valorem é uma taxa cobrada pelas transportadoras em todo o país, utilizada para agregar um seguro para a mercadoria quando ela não estiver em tráfego. O valor do ad valorem é calculado com base no valor da carga que será transportada.

Muitas pessoas acreditam que essa taxa elimina a necessidade de contratar um seguro de cargas, mas isso está longe de ser verdade. Tanto o ad valorem quanto o frete, fazem parte do seguro de responsabilidade civil que o transportador é obrigado a pagar. Já no caso do proprietário, também existe a necessidade de contratar um seguro para cobrir os riscos.

A seguradora poderá ter direito a carga dependendo do sinistro?

Sim, dependendo do tipo de sinistro que ocorrer, a seguradora poderá ter direito sobre a carga. Os casos em que isso pode acontecer são: a perda total da carga que for segurada, quando houver uma falta de notícias da embarcação ou da aeronave que estiverem transportado a carga (três meses em percursos domésticos e seis meses no caso de viagens internacionais), naufrágio, e outros casos.

O ideal é que você converse com a sua seguradora para poder conferir essas informações e entender melhor qual o procedimento que deve ser adotado nessas situações.

  • Preciso ter o nome limpo para poder fazer o seguro de cargas?

Não, não existe nada que impeça que pessoas que estejam com alguma restrição no nome de fazer um seguro de cargas, ou qualquer outro tipo de seguro. O que pode vir a acontecer é que as seguradoras poderão cobrar um valor maior na apólice dessas pessoas, por causa dessa restrição, já que os riscos de inadimplência são maiores nesse caso.

  • Existe algum prejuízo que não seja indenizável?

Sim, existem alguns casos onde a seguradora não irá indenizar o segurado, como: dinheiro em espécie, moeda ou papel; certificados de títulos; cargas radioativas e nucleares; veículo transportador; pedras preciosas; metais que forem preciosos e todas as suas ligas; cheques; ações; ordens de pagamento, saques, selos, recibos e bilhetes de loterias; objetos de arte; bens e mercadorias que não são averbadas no seguro RCTR-C.

Ainda existem outras situações em que a seguradora poderá se recusar a apagar a indenização. O ideal é que você converse com o seu corretor de seguros para que ele possa lhe passar maiores informações sobre essa questão.

  • Todas as seguradoras trabalham da mesma forma?

Não. Muitas pessoas acreditam que as seguradoras trabalham da mesma forma, oferecendo as mesmas coberturas pelos mesmos valores, mas isso está longe de ser verdade. Cada seguradora trabalha se uma forma, e oferece aos seus segurados serviços diferentes, de acordo com que a empresa tem a intenção de proporcionar.

Se você tem alguma dúvida sobre o funcionamento de alguma seguradora, o ideal é que você converse com o corretor de seguros para que ele possa avaliar a situação e lhe passar maiores informações sobre determinada empresa.

  • O que é exigido na hora da solicitação do seguro de cargas?

Quando uma pessoa ou uma empresa resolve contratar o seguro de cargas, normalmente, o contrato é feito a partir do conhecimento de embarque, que é um documento que deve apresentar algumas informações importantes, como: o local eu será feito o embarque e o desembarque; quantidade, a marca e espécie de volumes; tipo de embalagem; valor do frete; o nome e o endereço tanto do importador quanto do exportador; o peso total bruto e líquido da carga; a descrição da mercadoria e os códigos referentes; valor da mercadoria e a dimensão e a cubagem dos volumes transportados.

  • Posso cancelar o meu seguro de carga a qualquer momento?

Não, como qualquer outro seguro, você assina um contrato onde deverá ser informado o início e o fim da duração da sua apólice. Em muitos casos, as pessoas contratam o seguro de carga anualmente, e nesse momento poderá surgir a necessidade de cancelamento da apólice, mas caso isso seja feito, o segurado irá precisar pagar um valor, definido pela seguradora, referente a multas e juros pela rescisão do contrato antes do prazo final. Na sua apólice, você deverá encontrar as informações sobre como funciona o processo de cancelamento e quais os riscos que você pode correr caso isso aconteça. Confira essas informações antes de solicitar o seu cancelamento.

apólice rctrc
apólice de rctrc

Susep